Objeto destrói para-brisa de caminhão de piloto mato-grossense da Truck

Caminhão do piloto Pedro Paulo foi atingido em cheio por peça que caiu de veículo do veterano Pedro Muffato e que ganhou velocidade após passar entre rodas do carro de Jaidson Zini

Por portaldapoliticamt em 7 de outubro de 2019

Bala de canhão? Objeto destrói para-brisa de caminhão da Copa Truck em etapa de Cascavel

Um acidente assustador marcou a corrida 1 da etapa de Cascavel da Copa Truck. Por pouco o piloto Pedro Paulo não se machucou com gravidade após uma peça de um rival à frente atingir em cheio o para-brisa do seu caminhão como uma bala de canhão enquanto o piloto percorria a reta principal a quase 200 km/h.

A peça em questão, o suporte do motor, se solta do carro do veterano Pedro Muffato, o competidor que vem atrás, Jaidson Zini, consegue desviar, mas acaba passando por cima do objeto, fazendo com que ganhasse velocidade e atingisse em cheio o caminhão de Pedro Paulo. Por sorte, o impacto é do lado que seria reservado ao carona, criando um rombo no vidro com a batida violenta.

Objeto destrói para-brisa e causa susto em etapa da Copa Truck em Cascavel

Objeto destrói para-brisa e causa susto em etapa da Copa Truck em Cascavel

Na batida, além de a peça atravessar o vidro lançando estilhaços por todo o caminhão, e principalmente no capacete do piloto, que no momento estava com a viseira aberta, também atingiu a tomada de ar, quebrando-a, sendo desviada já no interior da cabine, amassando o reservatório de ar de segurança dos freios, que é feito de ferro fundido.

– No momento exato do acidente, pude perceber que seria atingido por algo que não poderia identificar, quando fui acertado com muita violência no lado direito do para-brisa. Durante o impacto estava em aceleração máxima no final da reta, me aproximando do momento de frenagem, sendo atingido instantes antes da frenagem efetiva, por esse motivo a primeira reação pós impacto foi de frear e reduzir a velocidade para continuar controlando o caminhão, seguido desse momento, consigo baixar e fechar a viseira do capacete para finalizar a curva e só então fazer uma verificação rápida se possuía condições para terminar a prova. Apesar do impacto ter sido muito violento e assustador, pude ter melhor dimensão disso somente após observar as câmeras on board do caminhão, e nessa oportunidade alerto para a segurança da categoria, visto que essa situação pode se repetir – afirma Pedro Paulo.

 

banner white 980x288

Fonte: GloboEsporte.com — Cascavel, PR

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta